Como NÃO cortar a franja na quarentena

Legenda aqui

Talvez esse post te anime, pelo menos ele me fez dar umas risadas depois de chorar e me desesperar algumas vezes com as notícias da quarentena ❤️. A verdade é que sou uma grande expert em cortar o próprio cabelo e hoje finalmente posso provar com essa linda imagem: essa sou eu criança, estreando a franja de moderna. Minha primeira grande obra capilar?

Como morava na casa dos meus avós, era muito fácil aprontar coisas sem eles perceberem, e assim criei meu primeiro penteado icônico. Me escondi da minha vó no meio da tarde e mandei ver na franjinha. Nunca vou esquecer que coloquei gel para disfarçar e ela nem percebeu, mas quando minha mãe chegou ela descobriu tudo e, depois das broncas que devo ter tomado, ela decidiu arrumar o penteado… deixando ele beemmmm retinho e mais conceitual ainda!

Nunca mais parei de cortar minha própria franja, e logo aprendi a cortar o cabelo inteiro. Hoje em dia precisa de muuuuita confiança para eu deixar alguém tirar as pontas para mim. E, por coincidência, antes da quarentena começar eu tinha decidido que estava na hora de esquecer minha franjinha moderna e ver como ficava o cabelo comprido total.

Entendo porque tantas pessoas estão cortando a franja em casa agora: quando ela cresce, fica num formato bem esquisito. Além disso, cortar o próprio cabelo deve ajudar na ansiedade – para mim, pelo menos, sempre foi uma terapia. Se, por outro lado, você quer saber como NÃO cortar a franja na quarentena, vai precisar de muita paciência e de muitos grampinhos para conseguir resistir à tentação de não passar a tesoura.

Durante essa minha fase de transição, mandei uma foto da minha franja crescendo para o  Leon Gurfein, do @cortecomigo, que além de maravilhoso cabeleireiro é um grande amigo, e recebi uma mensagem com dicas, e quero dividir aqui: apostar em penteados é uma, usar gel para trás ou repartido do lado, e até um cabelo anos 70. A palavra é AUTOCONTROLE mesmo, e mudar o foco para o penteado é realmente uma boa ideia – obrigada, Leon!

Minha dica extra é não deixar de cortar total. Eu ia jogando a franja para o lado e aparando as pontas dela seca para não ficar tão quadradona. Fazia também um tipo de desfiado e quando crescia mais ia refazendo. E também apostei no penteado surrealista para calls e facetime com amigos! E assim seguimos, tentando nos distrair um pouco pensando em como mudar o cabelo. Fiquem bem e fiquem em casa se puderem ❤️.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *